Com festival e piquenique, BH vira capital da música instrumental dias 20 e 21 de outubro

Terceira Mostra da Nova Música Instrumental leva ao Parque Municipal atrações de fora como Carlos Malta (RJ), Gabriel Grossi (DF), André Mehmari (RJ), e da atual geração mineira como Antonio Loureiro, Fred Heliodoro, Misturada Orquestra e Iconili. Evento reúne filosofia Slow Food, piquenique coletivo e ações de convivência urbana

Mostra da Nova Música Instrumental Mineira acontece nos próximos dias 20 e 21 de outubro (sábado e domingo) pelo terceiro ano consecutivo em Belo Horizonte, levando ao Parque Municipal Américo Renné Giannetti uma série de shows da atual geração desse gênero em Minas e convidados luminosos de outros estados. Com entrada gratuita e começando às 14h, a Mostra é também evento de convivência urbana e filosofia “no stress”, reunindo ações como piquenique coletivo, bicicletada, intervenções do movimento Slow Food no Brasil e esportes urbanos.

Reconhecida como um enquadramento fiel da nova cena instrumental no estado – principalmente a autoral – e pela abertura a grandes figuras de fora, a Mostra em 2012 promove encontros valiosos como o do multi-instrumentista Antonio Loureiro (MG) com o cariocaCarlos Malta (RJ) e o do baixista Fred Heliodoro (MG) com o pianista niteroiense André Mehmari (RJ). Completam os intercâmbiosMarcos Frederico(MG) recebendo o gaitista Gabriel Grossi (DF) e André Rocha e Trio (MG) com a pianista Heloisa Fernandes (SP).

Representar a extensa diversidade do gênero instrumental em MG é prioridade da Mostra, que inclui o rock do Iconili (MG) – com o convite inusitado a Sérgio Pererê (MG) – a orquestra de percussão Frito Na Hora (MG), as influências orientais do Quinteto São do Mato (MG), de Juiz de Fora, convidando Cléber Alves (MG) e a Misturada Orquestra (MG). Além disso, a Mostra passeia pelo jazz, choro, música de câmara, afro-beat e instrumental contemporâneo.

A 3ª Mostra da Nova Música Instrumental Mineira é realizada pela Agência Cultural Ultrapássaro e conta com patrocínio do Conexão Vivo.

PROGRAMAÇÃO

SÁBADO, 20 DE OUTUBRO, A PARTIR DAS 14H

Marcos Frederico (MG) convida Gabriel Grossi (DF)
Frederico Heliodoro (MG) convida André Mehmari (RJ)
Iconili (MG) convida Sérgio Pererê (MG)
Frito Na Hora (MG)

DOMINGO, 21 DE OUTUBRO, A PARTIR DAS 14H

Quinteto São do Mato (MG) convida Cléber Alves (MG)
André Rocha (MG) convida Heloísa Fernandes (SP)
Antônio Loureiro (MG) convida Carlos Malta (RJ)
Misturada Orquestra (MG)

0 Responses to “Com festival e piquenique, BH vira capital da música instrumental dias 20 e 21 de outubro”



  1. Deixe um comentário

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




MOSTRA INSTRUMENTAL

Música, convivência, piquenique, improviso e espontaneidade nos parques de Belo Horizonte

Piqueniques

Aproveite os piqueniques que vão acontecer durante os shows da Mostra: convide seus amigos, traga uma toalha e alguns comes & bebes para compartilhar.

%d blogueiros gostam disto: